Viagem

Domingo perfeito em Montevidéu

A capital do Uruguai é linda e tem uma variedade de coisas para fazer, contudo no domingo, os uruguaios são mais caseiros que seus hermanos argentinos. Achei que a cidade fica mais vazia, talvez porque o frio do inverno não peça “rua” e sim, um programa mais quentinho dentro de suas residências. Mesmo assim, nossos vizinhos tem boa sugestão de domingo perfeito: a Ciudad Vieja.

Hoje um bairro de Montevidéu, a parte antiga da cidade, com sua linda arquitetura e vegetação tão específica, foi onde a urbanização começou, datada em 1742.

Para começar, uma ótima feirinha de rua! Todos os domingos, das 9h às 16h, acontece a Feira Tristan Narvaja, inaugurada em 1909. Começa no cruzamento da rua que dá nome a Feira com a Avenida 18 de Julio. São vários quarteirões dos mais variados produtos. E quando digo variado, podem deixar sua imaginação ir longe. De coelhos vivos à roupas de cachorro, de alface à tartaruga, de chinelos de lã à antiguidades. Sinceramente, nunca tinha visto tamanha diversidade na mesma feira. Sem esquecer dos souvenirs , dos sebos e das plantas. Ah! E do típico uruguaio, de térmica e cuia embaixo do braço. Foi um passeio bem divertido que durou a manhã inteira!

Para o almoço a boa pedida é o Mercado del Puerto na Rambla do porto. Um prédio de arquitetura muito bonita, inaugurado em 1968, onde já funcionou como estação ferroviária e hoje conta com muitos restaurantes. Destaque para o relógio inglês que tem mais de 129 anos. Belíssimo acima de todos nós!

A parte interna do Mercado abre todos os dias para o almoço até às 18h e na parte externa, para almoço e jantar. São tantas as opções de estabelecimentos, que fica bem difícil escolher, ainda mais que os valores são iguais  e os cardápios também. Todos servem a típica parrilla: o famoso churrasco assado em grelha com fogo potente. São carnes com cortes um pouco diferentes das que conhecemos, como o entrecôte, o vazio, assado de tiras ou chouriço. Também riñones e a maravilhosa salsicha parrillera, entre outros.

Aqui embaixo, Carlos Gardel, o famoso filho do Uruguai, destaca o câmbio do dia.

Existem poucas lojas dentro do mercado, pois o forte realmente é a gastronomia. Mas podemos encontrar alguns produtos como os deliciosos doces de leite, camisetas de lembrança, artesanatos, alguns artigos de lã rústica e outros. Mas tudo tem um preço, digamos, para turista… se é que você me entende.

Abaixo, a bebida super apreciada em Montevidéu, medio y medio: mistura de vinho branco seco com espumante.

Bem ao lado do Mercado, encontramos o Museu do Carnaval. Interessante, mas não classificaria como imperdível. Tem uma proposta interativa de valorizar, conservar e exibir artigos, fantasias e objetos relacionados a festa popular, que para minha surpresa, nossos amigos também adoram. Louvável ter o Museu! Para mim, um País que preserva sua cultura, tradições e identidade,  demonstra inteligência e autonomia!

Tela do grande artista uruguaio, Paez Vilaró.

 

E para terminar esse nosso domingo perfeito, o vídeo de um dos mais populares cantores/compositores uruguaio: Jorge Drexler!

4 comentários

  1. Bem bacana este artigo. Estes mercados se re-inventaram focando no turismo gastronômico. É uma perdição visitá-los …. sempre saímos deles já pensando quantas semanas levaremos para perder os quilinhos recém adquiridos 😦

    Curtir

  2. Feiras e mercados rendem passeios deliciosos. Fiquei impressionada com a variedade de artigos vendidos na Feira. O mercado conheci na visita que fiz à cidade. É tão bom conhecer m destino novo, né? E ainda mais na companhia da família. Um abraço.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s