Crônica

Repetir, repetir, repetir

Quero ter uma conversinha com as mães. Assunto entre progenitoras. Desabafo materno. Vamos lá: em minha casa tem rolado uma prática, que tem me deixado, digamos, tensa. Para não dizer à beira de um ataque de nervos. E olhe que uma mãe com o sistema prá lá de nervoso, é um perigo! Se a tal mulher estiver de tpm então, corra porque são grandes as chances de virar uma psicopata!! É caso de polícia.

Preciso urgente compartilhar essa dinâmica que se instalou na família, para saber que procedimento tomar: tento uma internação no Pinel, ou qualquer outra instituição que aceite mãe histérica, ou faço o tipo serena e tranquila, que logo a fase passa? Quem sabe passo uns cremes na cara, sento na calçada para observar o movimento, dou uma voltinha no shopping ou no supermercado para ver preços e descobrir o índice da inflação, etc. Ou seja, algo bem mais produtivo que enlouquecer, tendo em vista que amalucar não é bom pra ninguém. Desconfio que seja pior para mim. O problema a que me refiro também não é de saúde. Foi a primeira coisa que me certifiquei, com certificado, inclusive. Laudo e atestado.

Esclarecido tudo, vou te contar e se você for capaz de me ajudar a elucidar o caso, mande cartas para a redação. Por que diabos eu tenho que fazer uso da repetição para todas as falas com minha cria? Por que nunca, atente, eu disse nunca, o primeiro comando é suficiente? Venha tomar banho deve ser repetido por pelo menos cinco vezes! Coloque o pijama, umas três! Coma sua comida, tá na média de oito vezes!! Vá dormir também tá batendo recorde, assim como levante que está na hora!!

Sim, existe uma planilha de estatísticas devidamente arquivadas no computador. Preciso estudar, fazer cálculos, aprofundar os picos, as intensidades e fazer médias. Reclamo, mas com argumentos e provas! Vai que meus relatórios possam ser usados num currículo futuro? MBA de mammys ou quem sabe posso me credenciar para um cargo de chefia? Trabalho na OMS? No mínimo vai ajudar o psiquiatra a fazer o diagnóstico, vai entender melhor porque cheguei babando dentro de uma camisa de força, repetindo a mesma frase sem parar.

Agora pense num disco arranhado, sou eu. Repetindo, repetindo e dizendo de novo! Todas as ações rotineiras têm levado muito mais tempo que o necessário. Já a reação, chega na hora: irritação, cansaço e estresse. De minha parte é claro, porque minha interlocutora está super na boa, quase zen! Um monge inabalável! E sabe por quê? Porque para meu desespero não é caso de teimosia, ela não se nega a fazer nada, só não atende a ordem de primeira, nem de segunda, talvez na terceira, quem sabe na quarta vez…

E enquanto isso, eu, uma pobre representante de Maria, mas, digamos, numa categoria um pouquinho mais mortal e nada santa, vou enlouquecendo aos poucos. Ou pelo menos ganhando o título da mala do ano. Sem alça e sem rodinhas. E sabe quem está me concedendo essa faixa? Sim, ela mesma. Não é justo! Eu quero ser miss simpatia, não a chata!

Se vai passar eu não sei. Ninguém me disse nada ainda. Esse tipo de mini-produto-de-mini-criatura não veio com manual, portanto há de se aguardar, me agarrando numa cordinha de sanidade antes de partir pro quebra tudo geral!! Antes de tudo vou respirar fundo e dar uma passadinha no hortifruti para espairecer. Vai que a alface americana entrou em promoção! Vai me deixar bem feliz!

E para terminar, antes de xingar e praguejar contra sua vovozinha que não para de falar no mesmo assunto, lembre-se que ela educou, ou tentou, seu pai ou sua mãe. E não necessariamente foi aquele alemão que chegou, aquele que começa com Al e termina com zheimer. Pode ser somente reflexo do sem-número de ordens dadas no passado. Entendeu? Preciso repetir?

5 comentários

  1. kkkkkkk…. é bem assim Dani!!! O “já vou mãe” não chega NUNCA!! O “to indo mãe” pior ainda, começo a achar que estamos em planetas diferentes pois quando digo que estou indo, eu realmente estou, mas o planeta dela, da minha princesa, é do outro lado do mundo com certeza!!!

    Curtir

  2. Bingo, sigo na mesma estrada que a sua, e fico até aliviada , pois já achava que a cria estava com
    Problemas graves de audição!!! Kkkk!! Ou seja são todos iguais!! Mais tem
    Que curtir , logo, logo não irião precisar de nossas chamadas aí vai bater a saudade!!! Bjks!!

    Curtir

  3. Dani , imagina como é aqui em casa …. repito muitas e muitas vezes a mesma coisa e eles não estão nem aí …. e é claro que eu sou a chata , a mala que não para de incomodar …

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s