Memórias

Cartas – Vivendo em Lyon

Em 2004, meu marido precisou trabalhar alguns meses em Lyon, na França, e lá fomos nós… Aqui estão algumas cartas que escrevi para minha família contando nosso dia-a-dia e nossas impressões sobre o incrível momento que estávamos vivendo.

Lyon, 15 de outubro de 2004.

Oi Pessoal!

Hoje está um frio imenso e soubemo que já está nevando nos Alpes (150 km daqui). Estou morrendo de frio. Tá certo que em todos os lugares tem calefação, mas eu caminho muito na rua e tem um vento super gelado.

Hoje choveu muuuuito e depois abriu sol e depois choveu de novo e abriu sol e choveu. E o dia foi assim.

Fui no supermercado fazer umas compras e me molhei inteira, quase peguei aquele táxi bicicleta, mas todos que vi estavam ocupados. Comprei meia dúzia de coisas e gastei 10 euros (35 reais), precisei comprar detergente e sabem que só tem de 500 ml? É muito estranho, pois são garrafas gordinhas, um sarro! Mas tem uma infinidade de tipos, anti alérgico, anti bactéria, anti higiênico (mentira), da palmolive, etc.

Almocei no apartamento, comprei um sanduba no super.

Depois atravessei o rio Saône e fui para a parte velha de Lyon. Fui na Catedral de St Jean, que é do século 14. Maravilhosa!! Lá dentro tem um relógio astronômico, que quando deu 16h tocou sininhos e anjos se moveram, uma loucura! Belíssimo! Pra falar a verdade até me emocionei de tão lindo. A catedral é imensa, cheia de pequenas capelas lá dentro e muitos vitrais, todos com os significados devidamente explicados. Acendi uma vela, rezei bastante e fui embora. Mas achei, ao lado da Catedral, um jardim arqueológico romano que amanhã quero levar o Renato.

Ontem fomos jantar numa pizzaria e depois levei o Renato para conhecer a praça onde está o Hotel de Ville, a prefeitura, e o Museu de Belas Artes. Ele, apesar de já ter vindo muitas vezes prá cá, ainda não conhecia, sempre trabalhando, né? Bem, a praça de noite é mais linda ainda, pois fica toda iluminada e no chão tem mais ou menos uns 50 focos d’água espirrando, esguichando e ficam luzes somente nesses pontos de água, então vocês podem imaginar, né? É lá que eu disse que tem aquela fonte do século 19 do mesmo escultor da Estátua da Liberdade, que também fica super iluminada.

Tem três pessoas me rodeando esperando a internet. Ai que saco!!!!

Fui, beijos, beijos!

Dani

A praça em frente a Saint Jean em Vieux Lyon.

 

A Catedral de Saint Jean.

 

A arquitetura vai do Românico ao Gótico. Foi construída de 1175 a 1480.

 

Dentro da Catedral.

 

 

O relógio astronômico, um dos mais antigos da Europa, que é Patrimônio Mundial.

 

Marca as horas, a posição da lua, do sol, da terra e as estrelas em cima de Lyon.

 

Belíssimo e emocionante!

 

Também exibe os feriados religiosos como a Páscoa e o Natal. Incrível!

 

Os bonecos autômatos em ação!

 

Táxi bicicleta na Praça des Terreaux. Repare nos focos de água brotando no chão.

 

Passeando na noite Lyonnais!

 

2 comentários

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s